jump to navigation

EUA: Escrever em blogs pode ser um risco para a saúde Abril 9, 2008

Posted by Vasco in Blogs, Saúde.
Tags:
add a comment

A blogosfera norte-americana está preocupada com a morte de alguns autores de blogs profissionais, muito populares nos EUA, já que acredita que a necessidade de actualizar constantemente as páginas poderá afectar a saúde dos bloggers em geral.

Dois autores de páginas relacionadas com tecnologia, que exerciam a actividade a nível profissional, faleceram recentemente, vítimas de ataques cardíacos, motivando o debate sobre se a pressão de escrever as novidades poderá ter ajudado a aumentar os factores de risco, como o stress.

«A certa altura, terei um esgotamento nervoso e serei internado num hospital ou algo do género», garante um dos autores de blogs tecnológicos mais conhecidos nos EUA, Michael Arrington, afirmando que a sua actividade, a tempo inteiro, «não é sustentável», já que ganhou mais de 13 quilos e começou a sofrer de problemas de sono.

«Não seria formidável se nenhum autor de blog ou jornalista pudesses escrever entre as 20:00 horas e o amanhecer?», ironiza o responsável, em entrevista ao site VNUNet, defendendo que, «assim, poderíamos todos fazer uma pausa, mas isso nunca vai acontecer».

Diário Digital

Saúde: sistema português em 19º lugar num ranking europeu com 29 países Outubro 1, 2007

Posted by Vasco in Saúde.
add a comment

Portugal ficou em 19º lugar numa análise ao sistema de saúde mais amigo do consumidor entre 29 países europeus, segundo os resultados do Índice Europeu do Consumidor de Serviços de Saúde hoje divulgado.

Em primeiro lugar ficou o serviço de saúde austríaco com 806 pontos em 1000 pontos possíveis, seguido pelo sistema holandês (794 pontos) e pelo francês (786 pontos).

De acordo com o ranking estabelecido pela organização Health Consumer Powerhouse, Portugal obteve 570 pontos.

Para estabelecer qual o sistema de saúde mais favorável aos utentes, esta organização analisou vários parâmetros, como as leis dos direitos dos cidadãos, o acesso directo a médicos especialistas ou o direito a uma segunda opinião.

 

Quanto ao tempo de espera em vários serviços públicos de saúde, Portugal obteve resultado negativo, com sete pontos num máximo de 15 pontos.

Portugal obteve ainda maus resultados na análise à mortalidade por ataque cardíaco, às operações às cataratas e aos cuidados dentários no sistema público.

Com bons resultados surgem os baixos níveis de mortalidade infantil, a vacinação na infância e o sistema de informação de saúde por telefone.

O direito a uma segunda opinião médica, o acesso a medicamentos inovadores e a sobrevivência ao cancro durante mais de cinco anos são indicadores que surgem em Portugal com resultado “intermédio”.

O relatório sublinha que o sistema de saúde português “não é tão avançado como o dos vizinhos espanhóis”, mas destaca os resultados positivos em relação à mortalidade infantil.

O documento calcula o gasto público anual por pessoa com cuidados de saúde e mostra que por cada espanhol o Governo gasta mais 15 por cento do que no caso português.

O Luxemburgo é o país que despende anualmente mais verba pública na área da saúde, com um valor quase três vezes superior ao português.

A tabela vem expressa em paridade de poder de compra (PPC) – taxa a que é convertida uma moeda em outra moeda, de modo a igualar o poder de compra nas duas moedas, eliminando as diferenças nos níveis de preços dos respectivos países.

Público

OMS: Um suicídio a cada 30 segundos em todo o mundo Setembro 10, 2007

Posted by Vasco in Saúde.
2 comments

487_inf_suicidio.jpg

Cerca de 3.000 pessoas suicidam-se todos os dias no mundo, uma a cada trinta segundos, alertou esta segunda-feira a Organização Mundial de Saúde (OMS) por ocasião da comemoração do «Dia Mundial de Prevenção do Suicídio».

Em comunicado divulgado hoje a propósito do «Dia Mundial da Prevenção do Suicídio», a OMS lembra que este problema social atinge actualmente «índices extremamente elevados».

Os dados da OMS indicam que a percentagem de suicídios no mundo nos últimos 50 anos aumentou em 60% – sobretudo nos países em desenvolvimento – e que o suicídio constitui actualmente «a terceira causa de mortalidade na faixa etária dos 15 aos 34 anos».

A organização da ONU sublinhou, no entanto, que a maioria dos suicídios «são cometidos por adultos», lembrando ainda que cada vez mais um maior número de idosos decide acabar com as suas vidas.

Segundo as estimativas da OMS, por cada suicídio cometido com sucesso registam-se pelo menos outras vinte tentativas falhadas, que resultam em graves lesões e graves sequelas emocionais, tanto para o suicida como para a família e amigos deste.

Diário Digital

Gato chamado Óscar prevê morte de doentes nos Estados Unidos Julho 27, 2007

Posted by Vasco in Curiosidades, Saúde.
add a comment

Um gato chamado Óscar está a deixar uma clínica de Rhode Island, nos Estados Unidos, em grande agitação ao visitar pacientes idosos poucas horas antes destes morrerem.Esta revelação foi feita por um médico de geriatria na Revista Jornal de Medicina de Nova Inglaterra.

O gato visita frequentemente, há já algum tempo, pacientes internados no Centro de Reabilitação para Idosos de Providence, situação que faz médicos e enfermeiros «entrarem em acção» por saberem que um dos doentes vai morrer em poucas horas.De acordo com o médico Oscar Rosa, o felino aproximou-se da cama de mais de 25 pacientes da clínica pouco tempo antes destes morrerem.

O gato, de dois anos, «engana-se muito poucas vezes. Parece prever que os doentes estão à beira da morte», adiantou o médico.O cepticismo que pode suscitar as faculdades do Óscar é contrariado pela médica Joan Teno, professora de saúde comunitária da Universidade Brown, que atende doentes desta clínica.

«O gato aparece sempre aos doentes terminais e fá-lo nas últimas duas horas de vida dos mesmos», adianta.A médica afirmou, ainda, não acreditar que o felino tenha faculdades paranormais e adianta que é possível que haja uma explicação química para o facto.Óscar é um gato de pelagem cinzenta e branca que «vive» principalmente no terceiro piso da clínica onde se encontram os doentes com problemas mentais.

Diário Digital

Freiras usadas como cobaias de experiências Junho 13, 2007

Posted by Vasco in Curiosidades, Saúde.
add a comment

26fotg1.jpg

Freiras de três conventos espanhóis da província de León aceitaram beber meio litro de cerveja sem álcool durante 45 dias como parte de um estudo para comprovar os efeitos benéficos da bebida para a saúde, noticia a BBC.

As 50 religiosas, com idade média de 68 anos, foram escolhidas pelos pesquisadores devido ao «seu estilo de vida ordenado, regrado e equilibrado». O estudo, elaborado pela Sociedade Espanhola de Dieta e Ciências da Alimentação e pela Universidade de Valência, concluiu que o consumo moderado de cerveja – com ou sem álcool, clara ou escura – pode diminuir o risco de problemas cardiovasculares e reduzir o colesterol.

«Participámos no estudo para bem da humanidade», disse a irmã Almerinda Alvarez ao jornal El Pais, que tem mostrado sempre grande abertura para estas experiências. Se agora foi a cerveja, anteriormente foram estudos sobre a osteoporose ou a doença de Alzheimer.

PortugalDiário

Anda tudo louco!!! Junho 4, 2007

Posted by Vasco in Saúde.
add a comment

mental.jpg

Entre 500 a 800 mil portugueses têm problemas mentais

Entre 500 e 800 mil portugueses sofre de doenças mentais mas só 1,7% da população utiliza os serviços públicos de saúde mental, segundo um relatório divulgado esta segunda-feira pelo Correio da Manhã.

De acordo com o relatório da Comissão Nacional para a Reestruturação dos Serviços de Saúde Mental, «o número de pessoas em contacto com os serviços públicos (168.389 em 2005) mostra que só uma pequena parte das pessoas com problemas de saúde mental tem acesso aos serviços públicos especializados».

A Comissão entende que o «número de contactos é ainda extremamente baixo em relação ao que seria de esperar», porque «pelo menos 5 a 8% da população sofre uma perturbação psiquiátrica de certa gravidade em cada ano».

Entre os piores problemas psíquicos estão as «perturbações psicóticas, perturbações afectivas e problemas relacionados com álcool e droga», segundo a Comissão.

Diário Digital

Site inédito em Portugal apoia pais de crianças com cancro Março 29, 2007

Posted by Vasco in Ciência e Tecnologia, Saúde.
add a comment

logo.gif

O autor do primeiro website português na área da oncologia pediátrica disse hoje à Lusa que o projecto tem como grande objectivo criar uma rede de informação e apoio mútuo entre pais de crianças vítima de cancro.

«Na investigação que deu origem a este projecto apercebi-me que não existia informação online nesta área da oncologia pediátrica e que os pais perdiam-se em sites estrangeiros que muitas vezes lhes proporcionavam informações erradas», explicou Nuno Martins.

Foi neste contexto que surgiu a ideia da criação do OncologiaPediátrica.org , um site dedicado exclusivamente a esta problemática, onde «qualquer interessado pode aceder à informação que normalmente não consegue obter de uma forma directa, simples e acessível», disse.

Diário Digital

Dois milhões de meninas alvo de mutilação genital por ano Fevereiro 5, 2007

Posted by Vasco in Inf. Geral e Económica, Saúde.
add a comment

Dois milhões de meninas são vítimas anualmente de mutilação genital em todo o mundo, sobretudo em África, segundo um relatório da organização Save The Children, apresentado hoje por ocasião do Dia Mundial da Tolerância Zero contra a Mutilação Genital Feminina.

A organização apurou que a mutilação genital é praticada em 28 países africanos, em percentagens muito elevadas em relação à população feminina: Benin (50%), Burkina-Faso (entre 43 e 66%), Camarões (20%), Chade (60%), Costa do Marfim (60%), Egipto (97%), Eritreia (90%), Etiópia (90%), Gambia (entre 60 e 90%), Gana (entre 15 e 30%), Guiné (entre 70 e 90%), Guiné-Bissau (50%) e Quénia (50%).

A lista prossegue com a Libéria (entre 50 e 60%), Mali (entre 90 e 94%), Mauritânia (50%), Níger (20%), Nigéria (50%), República Centro-africana (50%), República Democrática de Congo (5%), Senegal (20%), Serra Leoa (entre 80 e 90%), Somália (98%), Sudão (89%), Tanzânia (10%), Togo (12%), Uganda (5%) e Jibuti (entre 90 e 98%).

Porém, a mutilação genital feminina também é praticada na Europa, EUA e Médio Oriente entre imigrantes provenientes desses países, refere o relatório.


Diário Digital

Cientistas estudam nova pastilha elástica contra obesidade Janeiro 15, 2007

Posted by Vasco in Saúde.
add a comment

A obesidade poderá ser tratada no futuro com uma simples pastilha elástica elaborada a partir de uma hormona intestinal que reproduz a sensação de saciedade no corpo humano, anunciaram hoje cientistas britânicos.

Os especialistas, liderados por Steve Bloom, professor no Imperial College de Londres, estão a desenvolver um fármaco com a referida hormona que, em cerca de cinco anos, poderá estar disponível como tratamento à base de injecções, explicaram.

No entanto, o seu objectivo é elaborar um tipo de medicamento que possa ser absorvido pela boca para poderem introduzi-lo numa pastilha elástica, indicaram.

Outra opção para administrar o tratamento seria através de um inalador nasal.

Diário Digital

Fome: 219 milhões crianças não desenvolvem potencial intelectual Janeiro 9, 2007

Posted by Vasco in Inf. Geral e Económica, Saúde.
5 comments

_1174272_hunger.jpg

Mais de 200 milhões de crianças em todo o mundo com menos de cinco anos não desenvolvem o seu potencial intelectual devido à fome, má alimentação e pobreza, segundo um estudo publicado na revista The Lancet. Segundo o primeiro artigo de uma série de três, publicados sexta-feira passada na revista médica britânica, a fome e a desnutrição provocadas pela pobreza, especialmente nos primeiros anos, faz com que o cérebro de 219 milhões de crianças nos países em desenvolvimento não consiga progredir na sua totalidade, afectando as capacidades cognitivas, motoras e sócio-emocionais.

A má alimentação e as consequentes doenças fazem com que a pobreza se prolongue por gerações nos países subdesenvolvidos, provocando a perda de conhecimento e da capacidade de trabalho, que acabam por acentuar o atraso sentido nestes países, segundo os investigadores.

O alimento que dá mais 5 a 7 anos de vida Novembro 30, 2006

Posted by Vasco in Saúde.
add a comment

Alguns produtos derivados da proteína de soja podem ter efeitos protectores da saúde e aumentar a longevidade entre cinco e sete anos, segundo um estudo realizado por especialistas da Universidade de Valência (Espanha), escreve a Lusa.

Os investigadores, da Faculdade de Medicina, comprovaram que a genisteína, o fitoestrógeno mais abundante da soja, aumenta a expressão de genes antioxidantes que favorecem a longevidade.

PortugalDiário

Preservativos falsificados podem ter chegado a Portugal Novembro 16, 2006

Posted by Vasco in Saúde.
add a comment

O instituto que fiscaliza os medicamentos em Portugal alertou para a possibilidade de existência de preservativos falsificados no mercado, depois de um alerta da autoridade congénere inglesa.
Em comunicado, o Instituto Nacional da Farmácia e do Medicamento (Infarmed) revela que, segundo a autoridade britânica – «Medicines and Healthcare Products Regulatory» Agency (MHRA) -, preservativos contrafeitos da marca Durex Extra Safe (três unidades), com o lote número 20.604.354 e validade até Julho de 2009, foram postos à venda no mercado inglês.

Depois de contactados pelas autoridades, os importadores da marca em Portugal garantem que o lote não chegou ao mercado nacional.

«No entanto, dado que existe livre circulação de dispositivos médicos no Espaço Económico Europeu, os referidos preservativos poderão ter sido importados por vias paralelas, e encontrarem-se ilegalmente colocados no nosso mercado», salienta o Infarmed num comunicado datado de sexta-feira.

A autoridade portuguesa informa ainda que, segundo o fabricante dos preservativos Durex (SSL International), o lote original foi vendido em Maio de 2005, «pelo que qualquer embalagem que ainda esteja em circulação com o número de lote 20.604.354 é provavelmente contrafeita, pelo que deve ser recolhida do mercado».

O Infarmed aconselha os utilizadores e vendedores que confirmem o lote dos produtos utilizados e, caso verifiquem que se trata do lote em causa, devem devolvê-los ao fornecedor ou entregá-los ao Infarmed.

Diário Digital

Pés dos portugueses estão a crescer Novembro 13, 2006

Posted by Vasco in Curiosidades, Saúde.
add a comment

2001_07_16.jpg

O tamanho médio dos pés dos portugueses está a aumentar. Os especialistas acreditam que a alimentação e a prática de desporto podem estar na origem do crescimento. Ainda assim, de acordo com um estudo, os portugueses são o segundo povo mais baixo da Europa.

É quando se entra na adolescência que os tamanhos disparam. A tendência abrange quer rapazes, quer raparigas e tem vindo a acentuar-se nos últimos anos.

Sem afastar a possibilidade de ter ocorrido uma modificação genética na população portuguesa, nas últimas décadas, os médicos apontam várias razões para o maior desenvolvimento corporal dos jovens. Entre elas destacam, sobretudo, uma melhor alimentação, associada à prática desportiva.

“Vários estudos que foram feitos de censos demonstraram que algumas décadas atrás, a altura dos portugueses era bem menor do que é hoje em dia. Consequentemente, se temos uma altura maior, é natural que tenhamos de ter uma base de sustentação do corpo também maior”, explica o ortopedista Pedro Magro.

Segundos mais baixos da Europa

A procura de tamanhos grandes ainda nem tem comparação com o que se passa noutros países. É que, a olhar para os resultados de um estudo, os portugueses são o segundo povo mais baixo da Europa.

Apenas os malteses são mais baixos que os cidadãos portugueses. Por outro lado, os holandeses são os mais altos da Europa.

SIC Online

Portugueses são dos cidadãos com menor envergadura física da União Europeia Novembro 9, 2006

Posted by Vasco in Saúde.
add a comment

Os portugueses são dos cidadãos europeus com menor envergadura física, tendo em média menos 4,4 centímetros e menos 3,2 quilos que o cidadão médio da União Europeia, revela um estudo encomendado pela Comissão Europeia divulgado hoje em Bruxelas.

De acordo com os dados do “Eurobarómetro” sobre Saúde, Alimentação e Nutrição, os portugueses têm em média 1,65 metros de altura e pesam 69 quilos, o que os coloca no penúltimo lugar quer da tabela de “altura”, apenas à frente dos malteses, quer do “ranking” do “peso”, apenas com italianos atrás.

RTP

Mulheres na montra da Baixa de Lisboa contra o cancro da mama Outubro 30, 2006

Posted by Vasco in Saúde.
2 comments

Várias mulheres estarão hoje na montra principal da Loja das Meias, no Rossio, numa acção da Associação Portuguesa de Apoio às Mulheres com Cancro da Mama.A iniciativa pretende alertar quem passa nesta zona da Baixa para a importância da detecção precoce do cancro da mama. Se for identificada numa fase inicial, a doença é curável em 90 por cento dos casos.

Médicos e profissionais de saúde estarão presentes para explicar aos cidadãos a importância do auto-exame regular da mama. Esta é uma das medidas que, segundo a associação, pode reduzir o número de mortes anuais das mulheres por cancro da mama.

Durante a iniciativa, que assinala o Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama, serão distribuídos folhetos explicativos do auto-exame da mama. Todas as pessoas receberão também um certificado que as compromete a divulgar esta prática junto das mulheres que conhecem.

Público

Mulheres com mamas de silicone suicidam-se mais Outubro 23, 2006

Posted by Vasco in Curiosidades, Saúde.
add a comment

As mulheres que colocaram implantes de silicone nos seios têm mais hipóteses de cometer suicídio, do que uma mulher que não tenha sido submetida à operação. Esta foi a conclusão de uma série de estudos publicados na revista de medicina New Scientist, conta a BBC.

Os estudos incluem uma pesquisa americana que acompanhou 13 mil mulheres e um estudo canadiano, com 24 mil pacientes. Inicialmente, os cientistas procuravam uma ligação entre os implantes de silicone e certas doenças como o cancro e problemas no sistema imunitário.

Surpreendentemente, os cientistas acabaram por descobrir a ligação deste tipo de implantes com o suicídio. As razões por detrás desta tendência ainda não foram descobertas, mas os investigadores já começaram a dar palpites.

Uma das hipóteses avançada é de que as mulheres já têm algum problema psiquiátrico antes da operação, que nunca é detectado pelos médicos. De acordo com um estudo dinamarquês, oito por cento das mulheres que foram submetidas à operação «já tinham sido admitidas em hospitais psiquiátricos antes da cirurgia, por neuroses, distúrbios de personalidade e abuso de álcool e outras substâncias». Das mulheres com implantes que cometeram suicídio, metade já tinha estado em instituições psiquiátricas antes da cirurgia.

Outra hipótese é a de as doentes sofrerem de uma doença, chamada Transtorno Dismórfico Corporal. Este mal caracteriza-se por os doentes terem uma obsessão com falhas pouco perceptíveis ou inexistentes na aparência física. Cerca de três quartos das pessoas com TDC fizeram crurgias plásticas e tratamentos dermatológicos para «melhorar» a sua aparência. Acredita-se que entre 6 e 15 por cento dos pacientes de cirurgias plásticas nos Estados Unidos sofram da doença. Segundo os cientistas, os pacientes com TDC tem um risco muito maior de se auto-mutilarem e de se matarem.

Outra teoria, mas que é considerada muito remota, é que fugas nos implantes alterem a química do cérebro e despertem tendências suicidas em algumas mulheres.

Portugal Diário

Apple lança iPod Nano vermelho para financiar combate à Sida Outubro 13, 2006

Posted by Vasco in Ciência e Tecnologia, Música, Saúde.
add a comment

product.jpg
A Apple apresentou na quinta-feira o iPod Nano em vermelho, cujas receitas irão reverter para campanhas de combate à SIDA.
O iPod Nano Red Edition tem todas as características dos Ipod da Apple, mas o valor das vendas vai reverter para uma campanha contra a Sida em África promovida pelo vocalista dos U2, Bono Vox.
O iPod está integrado numa gama de produtos, como roupa, que completam a campanha «Red Editions».
O modelo vai ter 4GB de memória e custará 158 euros, sendo que oito euros revertem para a campanha de Bono.

Diário Digital

Join Red

Azeite ajuda a curar cancro Agosto 16, 2006

Posted by Vasco in Saúde.
add a comment

Cientistas espanhóis estão a desenvolver uma investigação em que aplicam substâncias obtidas do azeite virgem como tratamento natural de quimioterapia contra o cancro da mama, informou hoje o portal Andaluzia Investiga, noticia a Lusa.

A investigação passa pelo uso dos componentes minoritários do azeite, nomeadamente a pequena fracção que sobra depois da eliminação da gordura. O projecto de investigação está a ser levado a cabo por especialistas do Instituto de Nutrição e Tecnologia dos Alimentados da Universidade de Granada e do Complexo Hospitalar de Jaén.

As experiências em curso centram-se no uso dos compostos do azeite como fármacos naturais para mitigar os efeitos do cancro, segundo dados disponibilizados hoje pelo portal Andaluzia Investiga, que dá conta de avanços científicos naquelas instituições andaluzas.

Desde há muito que são conhecidos os benefícios do azeite como prevenção do cancro, mas agora os especialistas querem dar um passo em frente, aplicando o produto como tratamento.

Os especialistas consideram que os componentes do azeite podem moderar os efeitos secundários das substâncias clássicas aplicadas na quimioterapia e, ao mesmo tempo, podem ser aplicados como terapia propriamente dita.

Líquido para lentes pode cegar Maio 16, 2006

Posted by Vasco in Saúde.
add a comment

mpic_renu_moistureloc.jpg

A Bausch & Lomb anunciou hoje que retirou permanentemente, das lojas de todo o mundo, a solução para lentes de contacto ReNu com MoistureLoc. Autoridades de saúde em Hong Kong, Singapura e Estados Unidos tinham já reportado que utilizados do produto surgiam com uma rara infecção ocular denominada de Fusarium keratitis. A empresa atesta no seu sítio que a Bausch & Lomb lançou de imediato uma investigação para determinar a origem de tais infecções e descobriu que a causa poderia estar no produto ReNu com MoistureLoc. Para a empresa, o risco de infecção pode estar associado a uma eventual contaminação na sua fábrica em Greenville, na Carolina do Sul. A investigação levada a cabo pela Bausch & Lomb continua, mas entretanto o produto foi completamente retirado dos mercados onde era vendido, como África, Estados Unidos, Ásia e Europa. Em casos extremos estas infecções podem causar cegueira e por isso o produto não será reintroduzido no mercado.[PortugalDiário]